Quando se ouve falar do carnaval de Pernambuco, o frevo é a primeira coisa que vem à cabeça certo? Mas os bonecos gigantes de Olinda também são símbolos dessa festa tão popular por aqui (moramos em Recife) e não poderíamos deixar de ter um espaço reservado nesse blog para um post sobre essa tradição local.

⇒ Leia também Paço do Frevo: espaço dedicado a esse ritmo pernambucano

Os bonecos gigantes de Olinda desfilam pelas ladeiras da cidade como também participam de desfiles no Polo Marco Zero no centro do Recife. A festa começa a meia-noite do sábado de Zé Pereira com a saída do boneco do Homem da Meia Noite em Olinda, na segunda tem um desfile na ruas da Cidade Alta e às terças-feiras do carnaval há outro desfile pelas ruas do Recife. 500.000 foliões acompanham os desfiles dos bonecos gigantes.

Bonecos Gigantes de Olinda nas ruas

Os bonecos passam o ano todo expostos em 2 espaços, um deles é a Casa dos Bonecos Gigantes e Mirins de Olinda que fica no Alto da Sé em Olinda e o outro é o Museu dos Bonecos Gigantes de Olinda que fica no centro do Recife.

ALUGUEL DE CARRO PARCELADO EM ATÉ 12X NO CARTÃO OU DESCONTO DE 5% NO BOLETO

No site da RentCars, você pode alugar um carro e pagar parcelado em reais ou se preferir, ter 5% de desconto para pagamento via boleto.

Origem dos bonecos gigantes

Os primeiros bonecos gigantes surgiram na verdade na Europa e pelo que se sabe, foram decorrentes da Inquisição. Chegaram ao Brasil inicialmente em Belém do São Francisco, uma pequena cidade do interior do Estado de Pernambuco. Sua primeira aparição deve-se à criatividade de um jovem que ouvia as histórias de um padre belga sobre os mitos da igreja da Idade Média.

O primeiro boneco gigante recebeu o nome de Zé Pereira e desfilou no carnaval de 1919. Chegou nas ladeiras de Olinda em 1932 então nomeado de Homem da Meia Noite. Eram confeccionados e madeira e a cabeça em papel machê. Mais tarde ele ganhou uma companheira – a Mulher do Meio Dia e mais tarde o Menino da Tarde.

Foi o artista plástico Silvio Botelho – criador do Menino da Tarde – quem tornou os bonecos gigantes populares nos carnavais pernambucanos depois que criou o encontro dos bonecos gigantes pelas ladeiras da Cidade Alta em Olinda onde bonecos criados por vários artistas se encontram e fazem a festa que é um dos marcos do Carnaval de Pernambuco.

Características dos bonecos gigantes

Inicialmente tinham o corpo feito em madeira e a cabeça em papel machê, atualmente são feitos em fibra. O processo começa com a modelagem em argila baseada em fotos para captarem as feições dos homenageados. A partir desse molde vem o uso do gesso e depois a finalização em fibra. Os braços são em isopor para manterem a leveza dos movimentos durante os desfiles e também não machucarem os foliões que acompanham o cortejo. Esses braços são colocados apenas na hora do desfile, nos museus os bonecos estão sem eles.

Bonecos Gigantes de Olinda

Os bonecos gigantes têm entre 3,5m e 4m de altura e pesam entre 15kg e 20kg. São carregados pelos bonequeiros que apoiam na cabeça a estrutura estofada que fica no corpo do boneco. Há uma abertura na frente que serve tanto para dar visão ao bonequeiro como para ele respirar. Cada manipulador fica de 1:00h a 1:30h com o boneco que é passado para outros manipuladores até o final do desfile que dura em média 4horas.

Na Casa dos Bonecos Gigantes há os bonecos mirins que são menores e chegam aos 13kg. Mas a estrutura e materiais utilizados são os mesmos dos bonecos para os adultos.

Bonecos Mirins de Olinda

Bonecos Mirins

HOTÉIS COM MELHOR PREÇO E AINDA CANCELAMENTO GRATUITO

No Booking.com você encontra as melhores opções de hotéis com garantia do melhor preço e ainda com opção de cancelamento gratuito. Use nosso link e garanta sua reserva.

Casa dos Bonecos Gigantes e Mirins de Olinda

Esse é um espaço onde ficam os bonecos gigantes criados pelo artista plástico Sílvio Botelho, aquele que mencionamos lá no começo que foi o criador do Menino da Tarde. Fica no Alto da Sé em Olinda e abriga mais de 100 bonecos. Os homenageados são sempre personagens da cultura do estado ou que de alguma forma exerceram alguma influência na arte da região.

Casa dos Bonecos Gigantes e Mirins de Olinda

Lá funciona um projeto social voltado para as crianças e jovens, daí os bonecos mirins que são levados por bonequeiros nessa faixa etária.

Bonecos Mirins de Olinda

Alguns bonecos mirins

O museu não é grande mas bem organizado, nele estão um boneco de Luiz Gonzaga que pesa 48kg e a réplica mirim do Homem da Meia Noite e claro que muitos outros personagens bastante conhecidos como Ariano Suassuna, Chacrinha, Lampião e Maria Bonita dentro muitos outros.

Bonecos Gigantes de Olinda

Luiz Gonzaga e O Bacalhau do Batata que é um bloco que sai às ruas na quarta-feira de cinzas à tarde

Bonecos Gigantes de Olinda

Réplica mirim do Homem da Meia Noite e alguns bonecos de personagens locais (Maestro Spok, Pedro de Lara)

Bonecos Gigantes de Olinda

Durante a visita tem uma apresentação de um passista de frevo e uma breve explicação sobre os bonecos.

Endereço: Rua Bispo Coutinho, 780 – Alto da Sé – Olinda – PE

Horário: diariamente das 9:00h às 18:00h

Ingresso: R$ 10,00

⇒ Veja dicas do que fazer em Olinda nesse post do blog Janelas Abertas que eu achei super completo.

Museu dos Bonecos Gigantes de Olinda

Esse museu faz parte da Embaixada de Pernambuco que fica no Recife Antigo. Além dele tem o museu de cera com um acervo dos personagens em esculturas de cera. Mas vamos nos ater a falar apenas do Museu dos Bonecos Gigantes de Olinda.

Museu dos Bonecos Gigantes de Olinda

Os bonecos são idealizados pelo artista plástico Leandro Costa e o figurino fica por conta de Sineide Costa, esposa do artista que juntos mantêm o museu.

Museu dos Bonecos Gigantes de Olinda

Entrada do museu

Atualmente são mais de 400 bonecos em seu acervo, mas por questão de espaço não ficam todos expostos, é feito um rodízio e ficam expostos 65 deles para manter o espaço organizado.

Encontramos bonecos gigantes das personalidades ligadas à cultura local e também da atualidade em diversas modalidades como política e personagens de filmes. Nos deparamos com Ivete Sangalo grávida, Galvão Bueno e alguns jogadores de futebol que foram destaque na última Copa, Pelé, cantores famosos como Elvis Presley e Mick Jagger, o Papa Francisco, os Trapalhões e muitos outros que se fôssemos listar aqui seriam muitas linhas…

Bonecos Gigantes de Olinda

Bonecos Gigantes de Olinda

Bonecos Gigantes de Olinda

O boneco do Papa não é levado para o desfile por respeito à religião. Essas informações foram passadas pela guia que dá faz pequena apresentação do museu.

O Museu dos Bonecos Gigantes de Olinda é totalmente privado, é mantido pela visitação dos turistas e pelos bonecos feitos sob encomenda para eventos. Se você quiser um boneco seu para usar com decoração no seu aniversário por exemplo, pode entrar em contato que eles fazem :).

Os bonecos desse museu juntam-se aos do museu de Olinda e saem pelas ladeiras da cidade na segunda-feira de Carnaval às 9:00h da manhã e na terça-feira às 17:00h é a vez de desfilarem pelo Polo Marco Zero no Recife Antigo.

Bonecos Gigantes de Olinda

Gonzagão, Ariano Suassuna, Chico Science e Alceu Valença

Endereço: Rua do Bom Jesus, Marco Zero – Recife – PE

Horário: diariamente das 8:00h às 18:00h

Ingresso: R$ 15,00 (criança até 12 anos acompanhadas pelos pais não pagam – 2 crianças por casal), combo para visitar esse museu + o museu de cero R$ 25,00.

Mais informações: bonecosgigantesdeolinda.com.br

As visitas a esses dois espaços são rápidas e muito válidas para quem tem curiosidade sobre a cultura local. Lembrando que os museus fecham nas segundas e terças-feiras de Carnaval porque os bonecos saem para desfilar. Ficam abertos durante todo o ano, fecham apenas em alguns feridos nacionais, funcionam aos sábados e domingos.

〉Quando for ao Museu dos Bonecos Gigantes na Rua do Bom Jesus, dê uma passada no Café Bom Jesus que fica coladinho ao museu, é um charme, bem pequeno mas vale a pena sentar nem que seja para tomar apenas um espresso, mas quem quiser pode experimentar uma fatia do tradicional bolo de rolo que é patrimônio de Pernambuco. 〈

Café vizinho ao Museu dos Bonecos Gigantes em Recife

Para salvar no Pinterest

Bonecos Gigantes de Olinda