Parecia que estava tão longe de nós quando vimos as primeiras reportagens sobre o Coronavírus meses atrás. A China é um lugar tão distante de onde vivemos e de muitos outros destinos no mundo que não imaginávamos que o vírus sairia de lá de uma forma tão impactante e numa proporção capaz de tomar conta do mundo.

Voltamos de uma viagem para a Inglaterra e Espanha dia 02 de março desse ano (2020). Enquanto estávamos por lá o Coronavírus anda estava longe do que se tornou poucos dias depois, mas já havia chegado na Itália com números arrebatadores.

Contudo, durante as duas semanas que passamos na Europa fizemos nossos passeios normalmente, a vida corria no seu ritmo normal nos 2 países onde estivemos.

Quando chegamos no Brasil parecia que haviam apertado um botão e O CORONAVÍRUS CHEGOU À ESPANHA. Foi então quando optamos por ficarmos mais reservados em casa até que os 14 dias de quarentena passassem.

Na segunda semana após nossa chegada, Camila, filha de Ricardo que mora em Madrid, avisou que estavam em lockdown por tempo indeterminado. Levamos um susto com a rapidez que tudo estava acontecendo. De lá pra cá não precisamos comentar no que se tornou essa pandemia que mudou a vida de todos no planeta.

Inicialmente não pensamos em escrever aqui no blog sobre o Coronavírus, não somos um site de notícias e para falar a verdade não queríamos ser MAIS UM a repetir as mesmas informações da mídia nem tampouco trazer notícias de âmbito legal já que não somos advogados.

Porém, como estamos aqui sempre dando dicas e contando nossas histórias, leitores que tinham viagens programadas para os próximos meses nos chamaram pelas redes sociais e pelo grupo Viagens no Cantinho de Ná que temos no WhatsApp para conversarmos sobre o que fazer. Quem tiver interesse de participar manda um direct pelo Instagram que enviamos o link.

Foi então que resolvemos reunir aqui o relato de como resolvemos a viagem de minha mãe que iria para Londres como também as histórias que outros viajantes dividiram com a gente.

⇒ Leia também 12 séries e filmes para viajarmos no sofá

Cancelar ou remarcar viagens por causa do Coronavírus – Histórias de viajantes

Antes como resolvi a viagem de minha mãe para Londres com a TAP

Minha mãe iria para Londres visitar meu irmão que estava morando lá (voltou antes do previsto por causa do COVID-19). Eu comprei a passagem de ida direto no site da TAP e a volta no Passagens Promo que é nosso parceiro aqui do blog.

Antes mesmo do meu irmão decidir voltar com a família, já havíamos conversado sobre a possibilidade de cancelarmos a viagem de nossa mãe já que ela se enquadra no grupo de risco (idosa, hipertensa e diabética).

Assumi a questão, entrei em contato com a TAP e me disseram que a tarifa dela era promocional, nesse caso, sem direito a reembolso e no caso de remarcação teria uma multa de U$ 300 para depois disso remarcar pagando a diferença tarifária se houvesse.

Aguardamos então chegar mais perto da data da viagem, até que eu recebi um email da TAP avisando sobre o cancelamento do voo de ida que seria dia 03 de abril. As condições eram remarcação sem custo, mesmo que para outro destino, ou um voucher no valor total com validade de 12 meses a partir do envio deste e não da emissão da passagem.

Conversei com meu irmão que é advogado e ele me orientou a acatar o voucher e mais pra frente veremos o que fazer.

Tentei entrar pelo link do email mas não consegui, então telefonei e logo fui atendida. Confirmei a validade do voucher e ainda obtive a informação de que minha mãe poderá emitir uma passagem para outra pessoa usando esse voucher.

Dessa forma, caso ela não pretenda viajar para algum destino operado pela TAP, poderá repassar para alguém e assim não terá prejuízo.

Passagem de ida resolvida, era hora de ficar monitorando a volta que seria dia 14 de abril. Fiquei entrando no site da TAP para ver o status do voo, até que apareceu como cancelado e eu ainda não tinha recebido o email avisando.

Entrei em contato via WhatsApp com o Passagens Promo e logo fui atendida. Expliquei a situação, eles me pediram um tempo para conferir o status do voo e qual seria o procedimento. Poucas horas depois retornaram confirmando o cancelamento, passei os dados de minha mãe e meu email para receber o voucher.

O contato do Passagens Promo me informou que a partir daquele momento meu contato sobre esse voucher (recebimento e uso) seria diretamente com a TAP. Dois dias depois recebi o voucher com as mesmas condições do primeiro.

Relatos dos viajantes

Coronavirus e o impacto nas viagens

Elaine Pimenta com a American Airlines

Eu tinha uma viagem a trabalho para Washington pela American Airlines ( BSB-MIA-DCA-MIA-BSB) – 25/04 a 01/05. A própria companhia cancelou, no entanto, eu não recebi nenhuma informação sobre o cancelamento. E verifiquei pelo aplicativo que o cancelamento foi apenas dos trechos BSB-MIA-BSB.
No dia 13/04 entrei em contato por telefone (não foi muito demorado) e a atendente me informou que o meu caso era elegível para remarcação sem multa, eu perguntei sobre a devolução em cash já que era para um evento que não temos ideia quando será remarcado, ela disse que se aplicava e que nesse caso era para eu acessar o site prefunds.aa.com, preencher as informações do número do bilhete e sobrenome e escolher a opção 1 (cancelation alguma coisa, nao lembro o detalhe).
Hoje (22/04) recebi um e-mail informando que o pedido foi finalizado e que o crédito deve ocorrer em 7 dias úteis.

Nayanne com várias passagens de avião e ônibus na Europa

Eu iria viajar dia 04/04 até dia 25/04 os trechos eram: Recife com escala em Madrid e depois voo de Madrid para Amsterdam, depois Praga, Polônia, Hungria e Turquia.
A companhia aérea que eu iria sair do Brasil seria a Air Europa. A própria companhia cancelou os trechos (2 dias antes do vôo) e deu a opção de voucher, preenchemos um formulário que nos foi enviado por e-mail e recebemos um e-mail de volta falando que em até 35 dias (devido a alta demanda de atendimentos relacionados a pandemia) receberíamos o voucher. Faz cerca de 20 dias que solicitamos o voucher mas ainda não o recebemos, estamos esperando o prazo pra receber via e-mail.

Também tínhamos vôos e alguns trechos de ônibus dentro da viagem, mas já conseguimos resolver tudo. A Easyjet reembolsou tudo em 5 dias, foi um processo super fácil. A Turkish Airlines também reembolsou super rápido. A Flixbus (companhia de ônibus alemã que faz viagens dentro da Europa) também deu voucher (no ato de solicitação já saía o número do voucher). Só a Air Europa que tem demorado, também achei que o atendimento da air Europa deixa MUITO a desejar, não atendem ou quando atendem deixam você esperando muito tempo pra transferir a ligação para o setor responsável e demoram MUITO pra responder e-mails, mas estamos aguardando o prazo pra receber o voucher, espero que dê tudo certo.

Rominho com viagens nacionais a trabalho e de férias e ainda uma internacional 

Tive alguns voos nacionais cancelados pela Azul , destinos diversos, uns a trabalho (Teresina) e outros de férias (Salvador) , eles mandaram e-mail informando e dando possibilidade de ficar com voucher no valor total – sem nenhuma multa – quando em dinheiro e restituição integral no caso de compra em milhas ou alteração do voos sem multa, fiz opção pelo voucher.

Nosso voo internacional ainda seria dia 16 maio pela Air Europa, esperei e eles mandaram recentemente e-mail informando o cancelamento de alguns trechos (tínhamos comprado Rec – Madrid, Madrid- Barcelona e volta de Roma-Recife, trechos restante ainda iríamos comprar) e dando duas possibilidades: de remarcar o voo até 39 de junho ou de receber voucher. Ainda não fizemos a opção.

Vanessa com viagem para Gramado com passagem comprada com a Gol e passeios e hotel com Hotel Urbano

As passagens foram canceladas de forma tranquila, pouco mais de 20min no telefone com a Gol. A atendente logo informou que eu podia ficar com o crédito, sem desconto, para utilizar em até um ano da data da compra.

Hotel eu tinha reservado pelo Hotel Urbano pq tinha um crédito lá. Pedi o cancelamento na véspera e eles alegaram que iriater muita, o voucher já havia sido gerado. Até aqui não teve estorno no cartão.

Entrei no chat uns dias depois e vi que meus pedidos estavam em cancelamento. Solicitados no dia 16/03. Transfer, hotel e 2 passeios. Entrei no chat e disseram que podia ficar com o crédito, sem multas. Serão válidos por 1 ano a partir da data da liberação.

Irene com viagem nacional para os filhos

Eu e Renato já estávamos de quarentena aqui em SP, mas os meninos vinham para cá de Recife na semana Santa! Uns 10 dias antes houve o cancelamento do voo pela LATAM informado por e-mail, onde deu as opções de ficar com crédito ou remarcar. Optamos por remarcar e trazê-los no outro dia para ficar conosco, já que Recife começava com a quarentena! E a volta como esperado aconteceu a mesma coisa (cancelamento) desta vez ficamos com o crédito para remarcar a volta mais para frente! Não tive nenhum problema até o momento!

Ana Maria com viagem para a Europa

Tinha viagem marcada para Portugal/Itália pela TAP. Todos os voos cancelados. Solicitei o voucher/reembolso dos valores pagos e o pedido está em análise, porém as passagens compradas com milhas/dinheiro, ainda não consegui solicitar o voucher pelo site, pois o sistema não permite. Em contato telefônico com o número indicado, já liguei três vezes, sou atendida e redirecionada para outro atendente, nunca completando a minha solicitação. Difícil concluir o processo, mas ainda na luta.

Em resumo

Os planos foram por água abaixo mas na maioria dos casos relatados aqui as coisas estão se resolvendo. Pelo que vi ninguém teve prejuízo financeiro, vamos torcer para que os que ainda estão à espera de respostas tenham o mesmo desfecho. O Coronavírus já mexeu demais com nossas vidas 🙂

Dicas Coronavírus x Cancelamento/ remarcação de viagens

  • Por experiência própria, aguarde para entrar em contato mais perto da data de sua viagem (eu tentei com a TAP 20 dias antes e não me deram a opção do voucher, até que o voo foi cancelado pela cia 10 dias antes e a coisa mudou totalmente);
  • Fique monitorando o status do seu voo direto no site da cia aérea. Assim que aparecer como cancelado entre em contato para começar a negociação;
  • Quem tiver passagem comprada para o segundo semestre não deve se antecipar, sugerimos aguardar os acontecimentos mundo afora, porque além do posicionamento das cias aéreas, ainda tem a questão das fronteiras dos países estarem liberadas ou não.

Quem tem mais o que contar como o Corovírus afetou seus planos do viagem? Conseguiu cancelar sem custo? Recebeu reembolso? Conta pra gente, afinal estamos todos no mesmo barco.

⇒ Aproveite para viajar de outra forma, leia também Lista com livros sobre viagens para inspirar

E para acompanhar nossas viagens, nos siga no FacebookInstagramtwitterYouTube e no Pinterest.

ORGANIZE SUA VIAGEM SEM SAIR AQUI DO BLOG. VOCÊ PODE:

Reservar hotel pelo Booking;
Comprar seu seguro viagem com a Seguros Promo;
Alugar seu carro com a RentCars;
Comprar seu chip pré-pago para usar em todo o mundo na EasySim4U  ou no Viaje Conectado;
Comprar ingressos, contratar tour e transfers na WePlann ou Get Your Guide;
E ainda comprar pacotes de viagens e passagens aéreas no Hotel Urbano