A Catedral de Sevilha é um dos pontos turísticos mais procurados pelos visitantes que chegam à cidade e não é pra menos. É a maior da Espanha e a terceira do mundo tendo a frente apenas a Basílica de São Pedro no Vaticano e a Basílica de Nossa Senhora Aparecida em Aparecida aqui no Brasil.

As catedrais sempre estão em nossos roteiros, gostamos muito de ver a arquitetura e as relíquias históricas que geralmente elas guardam em seu interior além dos exemplos dos estilos de construção e movimentos artísticos que sempre representam.

⇒ Leia também 15 igrejas na Europa para conhecer

Quando fomos à Sevilha programamos nossa visita à catedral depois de irmos à Plaza de España. Saímos de lá e seguimos caminhando pelas ruas até chegarmos ao nosso destino. Foi uma caminhada de uns 20 minutos. Era agosto, fazia calor mas fomos seguindo as sombras que encontrávamos pelo caminho aproveitando para ver mais do dia a dia da cidade, acompanhando os passantes apressados, os carros agitados no trânsito, os ciclistas e muitos outros turistas como nós.

Veja o post 15 coisas para ver e fazer em Sevilha

CHIP PRÉ-PAGO COM PLANO DE DADOS EM MAIS DE 140 PAÍSES COM FRETE GRÁTIS

Saia do Brasil com chip com o plano de dados já no seu celular. Compre aqui e use o código Cantinhodena para ter FRETE GRÁTIS.

Demos a volta para chegarmos à entrada, havia uma fila para compra de ingressos mas que andou bem rápido. Entramos e começamos a entender o porquê da Catedral de Santa Maria da Sede ser tão procurada pelos turistas.

Catedral de Sevilha

A igreja é realmente imponente, tudo nela é grandioso e enche os olhos. Mesmo com os grupos de excursões que encontramos lá dentro o espaço não ficava apertado, dava para todo mundo chegar e observar o que quisesse e claro que havia muitos bancos para aquela oração de agradecimento que sempre fazemos quando estamos numa igreja em viagens.

Interior da Catedral de Sevilha

Um pouco da história da Catedral de Sevilha

A Catedral de Sevilha foi construída onde havia uma mesquita no século XII. São 126m de cumprimento, 83m de altura e 37m de largura no vão. principal. Não é à toa que é a maior catedral gótica da Europa.

  • Sua construção iniciou-se em 1184 e durou quase 15 anos. Sua estrutura era basicamente de tijolos;
  • Consagrou-se como Catedral em 1248 após a reconquista do Rei Santo Fernando III;
  • Em 1434 começaram as construções da Catedral Gótica, foi feita principalmente em pedras;
  • Foram feitas obras no estilo Renascentista em algumas partes da Catedral: Capela Real, Sacristia Maior na Sala Capitular;
  • O Barroco chega com a construção do anexo da Paróquia do Sacrário e mais outras duas capelas menores entre 1618 e 1758;
  • As três portadas maiores e o ângulo sudoeste do edifício finalizaram as últimas reformas de peso realizadas a Catedral, isso foi entre 1825 e 1928;
  • Em 1987 a Catedral de Sevilha foi declarada pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade;
  • No dia 25 de julho de 2010 foi ainda declarada Bem de Valor Universal Excecional.

〉 Informações tiradas do panfleto que recebemos na entrada da catedral.

 

ALUGUEL DE CARRO PARCELADO EM ATÉ 12X NO CARTÃO OU DESCONTO DE 5% NO BOLETO

No site da RentCars, você pode alugar um carro e pagar parcelado em reais ou se preferir, ter 5% de desconto para pagamento via boleto.

Nossa visita

O prédio da Catedral fica em meio à ruas estreitas do centro de Sevilha, ocupa uma quadra inteira e chama atenção pela altas muralhas que as paredes externas formam. Vimos 2 entrada além da principal mas percebemos que as portas estavam fechadas, acreditamos que abrem nos dias de culto mas não temo certeza. Essa estradas são bem diferentes do estilo gótico predominante na Catedral, nelas percebemos as interferências de outros estilos e a presença dos árabes que passaram pelo país.

Uma das entradas da Catedral de Sevilha

Entrada da Catedral de Sevilha

Os principais espaços que visitamos

Pátio das Laranjeiras

Pátio das Laranjeiras onde podemos sentir o aroma de 60 laranjeiras. Está cercado por muralhas remanescentes da mesquita que existia ali no séc. XII.

Pátio das Laranjeiras da Catedral de Sevilha

Altar de Prata ou do Jubileu

Altar de Prata ou do Jubileu da Catedral de Sevilha

Altar Maior

É simplesmente impressionante, feito e madeira e outro, retrata várias cenas da vida de Cristo, é uma obra do artista flamengo Pieter Dancart.

Altar Maior da Catedral de Sevilha

Altar Maior da Catedral de Sevilha

Torre da Giralda

É o grande símbolo de Sevilha. A Giralda é uma torre do século XI com 104m de altura com um campanário gótico-barroco. Do top se tem uma linda vista da cidade.

Torre da Giralda da Catedral de Sevilha

Sacristia Maior

Nesta sala ficam obras de grandes artistas como a pintura de Santa Tereza de Zurbarán. Nela está guardada a chave da cidade que foi recuperada em 1248.

Sacristia maior da Catedral de Sevilha

Sacristia dos Cálices

Última obra no estilo gótico na Catedral, foi construída em 1537.

Túmulo de Cristóvão Colombo

Depois de sua morte, os restos mortais de Cristóvão Colombo foram deslocados 3 vezes antes de chegaram à Catedral Sevilha em 1898, mas ainda há quem não acredite que são realmente dele.

Túmulo de Cristóvão Colombo na Catedral de Sevilha

Túmulo de Cristóvão Colombo na Catedral de Sevilha

Coro

Coro da Catedral de Sevilha

Detalhe do Coro da Catedral de Sevilha

Capela de Santo Antônio

Capela de Santo Antonio na Catedral de Sevilha

Porta da Assunção

Também conhecida como Porta Maior só é aberta na Semana Santa para passagem das procissões católicas.

Porta da Assunção na Catedral de Sevilha

Ingressos

Todos esses espaços podem ser visitados com o ingresso padrão. Há ainda a opção da visita cultural que além do acesso à igreja gótica e suas dependências inclui o acesso à coberta com acompanhamento de um guia que explica toda a história que envolveu a construção da Catedral. E ainda quem quiser pode visitar apenas a Igreja do Salvador.

Nós optamos pela visita normal sem subirmos à cobertura, preferimos aproveitar o tempo para conhecer mais de Sevilha e curtirmos outros lugares como foi o caso do Mercado de Triana que foi nosso destino após a Catedral.

Ingressos: padrão 9€ e o cultural 15€. Há ainda o audioguia que custa 3€ mas que é gratuito às segundas-feiras das 16:30h às 18:00h com reserva online com o limite máximo de 70 pessoas por dia.

Endereço: Av. de la Constituición s/n

Mais informações: catedraldesevilla.es

→ Para comprar ingresso, indicamos nosso parceiro getyourguide, ele tem várias opções de passeios em Sevilha e tem todas as opções de tours da Catedral.

Achamos a Catedral de Sevilha lindíssima e está muito bem conservada. Vimos que há reformas sendo feitas mas isso não atrapalhou em nada nossa visita. Muitas obras de arte fazem parte do cervo da igreja desde vitrais, esculturas e pinturas.

Reforma na Catedral de Sevilha

SEGURO VIAGEM com 5% de desconto usando nosso código CANTINHODENA5

Faça uma cotação do seu seguro viagem para viajar tranquilo e será apresentada uma lista com várias opções para você escolher a que melhor se encaixa às suas necessidades

Quando saímos ficamos um pouco na Plaza Virgem de los Reyes descansando um pouco e vendo as charretes passando com turistas aproveitando o tour pelo centro da cidade.

Catedral de Sevilha

Plaza Virgen de los Reyes

Para guardar no Pinterest

Catedral de Sevilha

E para acompanhar nossas viagens, nos siga no Facebook,  Instagramtwitter,  YouTube, Pinterest e no Google+.

Para programar sua viagem, veja o que você pode fazer sem sair aqui do blog

Reservar hotel pelo Booking;  Comprar seu seguro viagem com a Seguros PromoAlugar seu carro com a RentCars; Comprar seu chip pré-pago para os EUA e Europa na Easy Sim 4U e fazer câmbio na MelhorCâmbio.