banner

Parada do cruzeiro Disney Wonder em Key West

Cruzeiro Disney Wonder em Key West

Chegou a hora de descermos do navio depois da primeira noite navegando, e para aproveitarmos a parada do cruzeiro Disney Wonder em Key West fomos caminhar pela pequena cidade e matarmos as saudades de nossa primeira vez quando os meninos eram ainda pequenos.

Em nossa primeira viagem à ilha, que fica no extremo sul da Flórida, ficamos um final de semana e foi o destino que escolhemos para descansarmos depois de uma longa viagem de 28 dias pelos Estados Unidos, incluindo um outro cruzeiro, mas naquela vez foi o Disney Dream de 3 noites.

⇒ Veja também como foi a viagem de Miami para Key West de carro,  nosso roteiro e nosso hotel.

Escrevendo esse post estou vendo que Key West está diretamente associada às nossas experiências em cruzeiros :).

O itinerário completo do Disney Wonder de 7 noites inclui 4 paradas: a primeira em Key West, a segunda em Costa Maya, a terceira em Cozumel – ambas no México –  e por fim Castaway Cay que é a ilha particular da Disney e destino de todos os cruzeiros que partem da Flórida.

Nessas paradas o passageiro não é obrigado a descer do navio, quem quiser pode ficar curtindo as atrações dele que ficam mais calmas porque muita gente desce para passear nas ilhas. Há quem prefira não descer justamente para usufruir da estrutura oferecida, que é muito bacana – já mostramos no post Disney Wonder: tudo sobre o navio.

Dos destinos das paradas já conhecíamos Key West e Castaway Cay, mas descemos em todos e voltamos para o navio bem perto do limite do horário para embarque. Procuramos aproveitar ao máximo cada lugar.

〉Em todos os destinos das paradas pode-se contratar atividades extras, isso pode ser feito antes da viagem pelo site disneycruise . Veja passo-a-passo de como reservar atividades pro seu cruzeiro Disney no blog Amo Cruzeiro Disney.

Em Key West não contratamos nada, queríamos caminhar pelas ruas da pequena cidade que é um charme com suas casinhas de madeira e fachadas que parecem de uma cidadezinha de brinquedo e revermos aqueles lugares que deixaram saudades alguns anos atrás.

Parada do cruzeiro Disney Wonde em Key West

CHIP PRÉ-PAGO COM PLANO DE DADOS EM MAIS DE 140 PAÍSES COM FRETE GRÁTIS

Saia do Brasil com chip com o plano de dados já no seu celular. Compre aqui e use o código Cantinhodena para ter FRETE GRÁTIS.

O que fizemos durante a parada do cruzeiro Disney Wonder em Key West

Chegamos por volta do meio-dia e a primeira visão da ilha já mostrou o que nos esperava, um lindo de sol e céu azul e claro, muito calor mesmo estando no mês de fevereiro. Mas isso pra nós não era problema, vivemos no litoral nordestino, estamos acostumados.

Cruzeiro Disney Wonder em Key West

Assim que saímos do navio subimos num trenzinho que estava no porto, havia tripulantes do navio organizando filas e direcionando os passageiros para o trem. Ele nos levou para uma praça bem perto da Mallory Square que é a mais famosa da ilha. Esse transporte é gratuito para os passageiros do cruzeiro mas a famosa gorjeta é bem-vinda.

Trenzinho em Key West

Trem que leva os passageiros do cruzeiro Disney em Key West

O trenzinho que estava atrás do nosso

O percurso levou uns 10 minutos, o trem vai bem devagar e o motorista vai dando informações sobre os lugares que passamos.

Chegamos então ao endereço 501 Front St que era o ponto final, todos desceram dos trens e nos avisaram que para voltamos bastava falarmos que estávamos no cruzeiro que seríamos direcionados para o trem correspondente. Saíam a cada 30 minutos. O horário limite para voltarmos ao navio era às 18h e o último trem para o porto sairia às 16:30h.

Vimos que esses trenzinhos fazem um tour pela ilha, chamam de Conch Tour Train, os tickets são vendidos num quiosque ao lado de onde paramos. O tour custa U$ 30 por pessoa e dura em média 1:30h, pelo que entendemos ele faz um trajeto pelo centro da cidade mas quem quiser pode descer em algum ponto e pegar outro trem depois, no estilo dos ônibus Hop On Hop Off.

Praça da parada do trem em Ken West

Seguimos direto para a Duval St, principal rua de Key West e fomos caminhando sem pressa e sem destino no sentido da praia que ficava na extremidade oposta do ponto onde paramos.

Era hora do almoço mas não estávamos com fome, havíamos acordado um pouco mais tarde naquele dia e com isso chegamos ao Cabana’s para o café da manhã bem perto do horário final. A cidade estava bem cheia de gente, além do nosso navio havia outro cruzeiro ancorado no porto e os passageiros estavam aproveitando a cidade também.

SEGURO VIAGEM com 5% de desconto usando nosso código CANTINHODENA5

Faça uma cotação do seu seguro viagem para viajar tranquilo e será apresentada uma lista com várias opções para você escolher a que melhor se encaixa às suas necessidades

Pelas ruas as casas se transformam em lojas, bares, restaurantes, galerias de arte, cafeterias, padarias e tudo mais que se possa imaginar. Quando passamos pela frente de algumas ficamos na dúvida do que funciona nela. São todas de madeira, pintadas de cores claras e muito organizadas e bem conservadas.

Pelas ruas de Key West

Pensamos em alugar um carrinho de golfe por umas 2 horas, quando fomos da primeira vez estávamos com um carro alugado e os meninos queriam muito andar no tal carrinho. Paramos numa das inúmeras locadoras da rua e fomos ver o preço, U$ 110 a hora, achamos muito caro e desistimos.

Carros de golfe para passear em Key West

Há carrinhos para 2, 4 e até 6 pessoas

Durante nossa caminhada fomos comentando sobre o que lembrávamos e foi ótimo porque os meninos quando foram da primeira vez tinham 9 e 13 anos e agora estavam com 14 e 18 e quando passavam por um determinado lugar diziam “olha, passamos por aqui da outra vez”.

Parada do Cruzeiro Disney Wonde em Key West

O toldo azul é do restaurante onde jantamos em nossa primeira viagem à Key West

E pela rua revimos o famoso táxi rosa passando que é característico da ilha, as tantas bandeiras americanas que estão penduradas em quase todas as fachadas e o. movimento da cidade no começo de tarde.

Pelas ruas de Key West

Paramos em algumas galerias de arte pela Duval, entramos em algumas lojas de roupas para vermos preços e finalmente chegamos à praia. A mesma onde alugamos cadeiras e guarda-sol e tomamos banho de mar anteriormente. Sentamos na muretinha que fica antes do píer, não pretendíamos entrar no mar, queríamos apreciar a paisagem e curtir o ventinho que soprava apesar do sol.

Praia em Key West

HOTÉIS COM MELHOR PREÇO E AINDA CANCELAMENTO GRATUITO

No Booking.com você encontra as melhores opções de hotéis com garantia do melhor preço e ainda com opção de cancelamento gratuito. Use nosso link e garanta sua reserva.

Estávamos bem perto do ícone de Key West, o Southernmost Point que é o ponto que marca a distância das 90 milhas dos Estados Unidos até Cuba. Decidimos atualizar a foto de quase 6 anos atrás, mas quando chegamos lá havia uma fila quilométrica para tirar a foto. Ainda ficamos uns 10 minutos mas as pessoas faziam poses e mais poses e a fila não andava.

Desistimos e tiramos foto na estátua de Bishop Albert Kee, que era um morador da ilha que ficava diariamente naquele ponto soprando uma concha dando as boas-vindas aos visitantes que chegavam para ver o famoso ponto da ilha. A estátua foi inaugurada em 2015, Bishop morreu em 2003 e recebeu o título de embaixador da cidade.

Southernmost Point em Key West

Esse e o Southernmost Point e essa é nossa foto em 2012

Estátua de Bishop Albert Kee ao lado do Southernmost Point

Seguimos de volta para a Duval e vimos um prédio antigo que tinha escuro na frente San Carlos e num quadro de chão na calçada dizia que era um museu sobre Cuba. Resolvemos entrar e tivemos uma grata surpresa. Um casarão que abriga um acervo sobre a historia que envolve Cuba e Key West e o melhor foi a conversa que tivemos com um senhor que toma conta do local, ele  faz questão de contar tudo com detalhes.

O prédio é do final do séc. XIX e funcionava na época como um centro de educação para os exilados em Key West. Hoje funciona o Instituto San Carlos.

Foi muito interessante para nós e para os meninos. O museu tem uma estrutura simples, mas tem peças como moedas, fotografias e quadros que contam a história do país que é quase vizinho e que tanto influenciou o povo de Key West. Não é à toa que tem tantos restaurantes cubanos na ilha.

⇒ Leia também Havana: o charme e os encantos da capital cubana

Chegamos à Mallory Square que é um dos pontos mais procurados no final da tarde para o disputado por do sol. Ainda estava longe do sol começar a descer, sabíamos que não veríamos o espetáculo, mas quisemos voltar lá para vermos o movimento e se havia alguma novidade.

Mallory Square em Key West durante o cruzeiro Disney Wonder

E encontramos um lugar super charmoso que não conhecíamos, se existia quando fomos antes não chegamos a vê-lo. É um restaurante cubano chamado El Meson de Pepe, fica num galpão grande e tem duas entradas, nós entramos por trás e parecia que estávamos entrando num pequeno mercado, tem uma lojinhas pequenas dos dois lados e uma decoração bem interessante.

Fomos andando e chegamos a um salão onde funciona o restaurante. Não tinha muita gente, passamos pelo meio e saímos pela porta da frente que abre para a Mallory Square.

Cruzeiro Disney Wonder em Key West

Achamos o lugar um charme e uma ótima pedida para uma noite em Key West.

ALUGUEL DE CARRO PARCELADO EM ATÉ 12X NO CARTÃO OU DESCONTO DE 5% NO BOLETO

No site da RentCars, você pode alugar um carro e pagar parcelado em reais ou se preferir, ter 5% de desconto para pagamento via boleto.

Passamos por atrações que com certeza interessam a muita gente, como o aquário que fica na Mallory, o museu Riplye’s Believe it or Not que os meninos adoram, eles foram ao Ripley’s de New York em nossa viagem pra lá.

Há várias atividades aquáticas como passeio de Jet Ski, de barco, mergulho e muitas outras para quem quiser curtir o mar. Esse tipo de atividade não nos empolga porque moramos no litoral e sempre estamos na praia, mergulhado, passeando de barco. Pretendíamos subir no farol para vermos a vista lá do alto mas acabamos andando tanto pelas ruas que optamos por voltar para o navio.

Ficamos na ilha até às 16h, quando saíamos da Mallory Square tomamos um sorvete na Häagen Dazs como fizemos da outra vez 🙂 e seguimos para o local onde pegaríamos o trenzinho. Tinha um que estava perto de sair. Subimos e seguimos o trajeto ouvindo a narração do motorista, dessa vez por um caminho diferente da ida.

E para sentir mais o clima de Key West, um vídeo com uma parte do trajeto de volta para o navio.

Foi assim que curtimos a parada do cruzeiro Disney Wonder em Key West, preferimos aproveitar a cidade em si, vermos as novidades, sentir o astral que é muito bom, cheio de energia e cores. Como a cidade é muito lindinha, vale demais a pena conhecê-la e deixar alguma atividade aquática para outro destino que não tenha uma estrutura boa.

Voltamos para o navio e fizemos um lanche e fomos descansar um pouco, caminhamos muito e o calor estava grande.

Parada do Cruzeiro Disney Wonder em Key West
Parada do cruzeiro Disney Wonder em Key West
Parada do cruzeiro Disney Wonder em Key West

E para acompanhar nossas viagens, nos siga no Facebook,  Instagramtwitter,  YouTube, Pinterest e no Google+.

Para programar sua viagem, veja o que você pode fazer sem sair aqui do blog

Reservar hotel pelo Booking;  Comprar seu seguro viagem com a Seguros PromoAlugar seu carro com a RentCars; Comprar seu chip pré-pago para os EUA e Europa na Easy Sim 4U e fazer câmbio na MelhorCâmbio.


Tags:
· · · · ·
Categorias:
Estados Unidos 🇺🇸 · Flórida · Key West

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Guia Para Viajar por Conta Própria

Receba agora gratuitamente em seu email o
eBook "Como Tornar Possível Aquela Viagem
dos Seus Sonhos".

✔️  Como Escolher o Destino da sua Viagem;

✔️  Quando Comprar Suas Passagens;

✔️  Como Reservar Seu Hotel;

✔️  Como Montar um Roteiro de Viagem...

You have Successfully Subscribed!

Pin It on Pinterest

Share This
Menu Title
%d blogueiros gostam disto: