Esse post faz parte da blogagem coletiva da #MuseumWeek de blogueiros da RBBV, da qual somos membroMuseus do mundo todo estão fazendo um tuitaço durante toda esta semana, a #MuseumWeek, e os blogueiros brasileiros estão participando ativamente. Para fechar a semana, estamos fazendo uma blogagem coletiva sobre o museu preferido de cada um e o meu escolhido foi o Instituto Ricardo Brennand. Não só por estar em minha cidade, mas principalmente pela importância cultural que seu acervo traz a nosso Estado e ao nosso país.

O  museu abriga uma magnífica coleção de arte que pertence ao empresário Ricardo Brennand, homem que durante mais de 50 anos reuniu um grande acervo de obras de arte que inclui gravuras, pinturas, tapeçarias, armarias, mobiliários, esculturas trazidos dos 4 continentes e reunidos num espaço criado especialmente para elas.

Instituto-RIcardo-Brennand-entrada

Localizado na cidade de Recife-PE, o museu divide-se em 4 áreas, a Galeria, que traz mostras nacionais, internacionais e eventos, a Pinacoteca com 1.200 m2 que abriga 4 importantes exposições, a Biblioteca com cerca de 60 mil títulos e o Castelo São João que é um museu de armas, tapeçarias quadros e uma grande diversidade de espadas. Além dos seus jardins que também são contemplados com lindas obras de arte.

Instituto-Ricardo-Brennand-galeria

Prédio da Galeria

 

Inaugurado em 2002, o Instituto Ricardo Brennand trouxe para Recife um destaque nas artes brasileiras. O acervo Frans Post e O Brasil Holandês,  conta a história dos holandeses no Estado e é um destaque permanente no museu.

Instituto-Ricardo-Brennand-franz

Instituto-Ricardo-Brennand-Frans2

A Pinacoteca abriga, além da obra de Frans Post, Paisagens Brasileiras do séc XIX, Coleção Janete Costa e Acácio Gil Borsoi e O Julgamento de Fouquet.

Instituto-Ricardo-Brennand-quadros-Frans

Instituto-Ricardo-Brennand-salao-central

Instituto-Ricardo-Brennand-quadros1

Instituto-Ricardo-Brennand-vidros

O prédio principal, onde ficam a Pinacoteca e a Biblioteca, tem uma sala para projeção e um terraço repleto de obras de arte, uma cafeteria e uma loja. É uma delícia tomar uma cafezinho apreciando as obras ao redor além das que ficam espalhadas pelo jardim interno que fica ao lado de toda a extensão do terraço.

Instituto-Ricardo-Brennand-projecao

Sala de projeção

Instituto-Ricardo-Brennand-jardim-interno

Instituto-Ricardo-Brennand-jardim-interno2

A cafeteria oferece opções de doces e salgados com destaque para a culinária local, tenho o tradicional bolo de rolo e o de macaxeira.

Instituto-Ricardo-Brennand-lanchonete

Lanchonete

Instituto-Ricardo-Brennand-lanche

Bolo de rolo e bolo de macaxeira com um espresso, bom demais.

Instituto-Ricardo-Brannand-loja

Loja

Ao lado desse prédio, fica o Castelo São João, é lá que se encontram as coleções de armaduras, espadas, relógios, quadros e mais esculturas do acervo. Essa é minha área preferida. Gosto muito de como conseguiram organizar tantas peças distintas num ambiente e deixá-lo harmonioso, gostoso de se ver.

Instituto-RIcardo-Brennand-armas

Fachada do Castelo São João

Instituto-Ricardo-Brennand-teto-armas

Detalhe do teto no hall de entrada

Instituto-Ricardo-Brennand-fonte

Uma das atrações no interior do Castelo

Instituto-Ricardo-Brennand-armas1

Salas no interior do Castelo

Instituto-Ricardo-Brennand-armas2

Instituto-Ricardo-Brennand-Ninfa

Minha obra favorita no Castelo São João

Durante minha visita ao museu para coletar material para esse post, vi 2 grupos de estudantes, muito bom saber que nossas escolas estão incentivando esse tipo de aula e levando a arte às crianças e adolescentes. O museu tem um preço especial para esse esses grupos e gratuidade para escolas públicas. Esse incentivo reforça a intenção de tentar criar mais amantes da arte.

Instituto-Ricardo-Brennand-alunos1

Grupo de alunos no Castelo

Instituto-Ricardo-Brennand-alunos2

Grupo de alunos na Pinacoteca

Depois de visitar o museu, passear por seus jardins e sentir a atmosfera tranquila do lugar fecha o passeio com chave de ouro. Tudo ao redor é muito bem cuidado e voltado para o visitante.

Instituto-Ricardo-Brennand-portao

Instituto-Ricardo-Brennand-jardim-externo

Vale muito a pena conhecer o Instituto Ricardo Brennand, vindo à Recife, é uma atração que não pode ficar de fora do roteiro de todo turista e para quem mora aqui, como eu, é um passeio muito gostoso e uma oportunidade excelente de mostrar nossa cultura a nossos filhos.

Esse é o segundo ano que participamos da #MuseumWeek, ano passado nosso escolhido foi o Museu de História Natural de Viena, veja aqui o que achamos dele.

Endereço: Rua Mário Campelo, 700 – Várzea, Recife – PE, fone – (81) 2121-0365

Horário: De terça a domingo das 13h às 17h

Ingressos: Inteira R$ 20,00, meia R$ 10,00, crianças até 7 anos gratuito, escolas agendadas R$ 7,00. Pessoas acima de 60 anos, deficientes, grupos de escolas públicas agendados, taxistas e profissionais de turismo não pagam.

Site: www.institutoricardobrennand.org.br

Aqui, uma lista dos blogs participantes esse ano:

Uziel Santos – Uzi Por Aí  Museu do Ouro (Bogotá, Colômbia).

Claudia Rodrigues – Felipe, O Pequeno Viajante – Museu de Ciência e Tecnologia da PUC (Porto Alegre – RS)

Adriana Ramos – Sonhando em Viajar! – Museu Nacional da História Natural da Quinta da Boa Vista (Rio de Janeiro – RJ)

André Morato – Blog Meu Destino – Inhotim (Brumadinho – MG)

Antonio Rômulo Jr. – Retrip Viagens – Museu de Arte Sacra (São João Del Rey – MG)

Andrea Barros – Do RS para o Mundo – Museu Histórico de Veranópolis (Veranópolis -RS)

Eloah Cristina – Marola com Carambola – Memorial da Resistência em São Paulo (São Paulo – SP)

Carmem Batista – O que vi do Mundo – Museu do Futebol (São Paulo – SP)

Talita Marchao – Me Deixa Ser Turista – Pinacoteca, Estação Pinacoteca, Dops e Museu da Língua Portuguesa (São Paulo – SP)

Cristiane Rangel – Pequeno Grande Mundo – Museu de Ciências Naturais do Bosque da Ciência – INPA (Manaus – AM)

Jamille Andrade – Rascunhos de Fotografia – Museu do Ceará, MAUC e Museu do Humor (Ceará)

Julia Motta – Quebrei a Bússola – Museo del Holocausto  (Buenos Aires – Argentina)

Thiago Busarello – Vida de Turista – MALBA (Buenos Aires)

Camila Faria – E aí, Férias – American Museum of Natural History (Nova Iorque – Estados Unidos)

Liliane Inglez – Trilhas e Cantos – Museu Chileno de Arte Pre Colombino (Santiago – Chile)

Andrea e Luciano – Malas e Panelas – Vizcaya Museum and Gardens (Miami – Estados Unidos)

Mariana e Augusto – Embarque Portão 5 – Museo de Las Casas Reales (Santo Domingo – República Dominicana)

Francine Agnoletto – Viagens que Sonhamos – Field Museum (Chicago – Estados Unidos)

Camila Lisboa – O Melhor Mês do Ano – Tumbas Reales de Sipan (Chiclayo – Lambayeque, Peru)

Camila Torres – Colecionando Ímãs – Os Museus de Arte de Brasília (Distrito Federal)

Europa:

Paula Augot – No Mundo da Paula – Museu Tate Modern  (Londres – Inglaterra)

Heloisa Righetto – Aprendiz de Viajante – 5 museus não tão conhecidos para visitar em Londres (Londres – Inglaterra)

Carol Pascual – Londres com crianças – Museum of London (Londres – Inglaterra)

Deb Wal – Segredos de Londres – National Gallery (Londres – Inglaterra)

Fernanda Scafi – Tá indo pra onde? – Deutsches Historiches Museum (Berlim – Alemanha)

Nicole Plauto – Agenda Berlim – 03 museus para visitar na primeira vez em Berlim (Berlim – Alemanha)

Claudia Bömmels – Brasileiros Mundo Afora – Deutsches Technik Museum (Berlim – Alemanha)

Natália Gastão – Ziga da Zuca – Museu Judaico (Berlim – Alemanha)

Renata Inforzato – Direto de Paris – Hôtel de Soubise – o palacete que virou arquivo e museu – (Paris – França) 

Fabia e Gabi – Estrangeira – Museu Picasso (Barcelona – Espanha)

Roberta Martins – Territórios – Museu Dalí (Barcelona – Espanha)

Adriana Lima – Da Porta Pra Fora – Museu DOX (Praga – República Checa)

Ana Cristina – ITALIAna – Galleria degli Uffizi Florença (Florença – Itália)

Deyse Ribeiro – Passeios na Toscana – Museu Cappella Brancacci (Florença – Itália)

Aline Dota – Descobrindo a Alemanha – EL-DE-Haus – Centro de documentação do Nazismo (Colônia – Alemanha)

Larissa Andrade – Esto es Madrid, Madrid – Reina Sofia  (Madri – Espanha)

Fani e Robson – Meu Mundo Por Aí – Museo Del Prado (Madri – Espanha)

Dalila Barakat – Mil e Uma Viagens – Mauritshuis (Haia – Holanda)

Simone Betoni – O Guia de Milão – Casa Museu Boschi di Stefano (Milão – Itália)

Solange Spiess – No Mundo com a Gente – Museu Casa de Rembrandt (Amsterdam – Holanda)

Poliana Cardozo – Comendo Chucrute e Salsicha – Museu de Belas Artes de Sevilha (Sevilha – Espanha)

Claudia Bins – Mosaicos do Sul – Museu Dalí (Saint Petersburg – Estados Unidos)

Luciana Rodrigues – Turismo em Roma – Museu da Emigração Italiana (Roma – Itália)

Virna Mitrogiannis – Uma Brasileira na Grécia – Museu Acrópoles (Atenas – Grécia)

Cyntia Campos – A Fragata Surprise – Museu da Acrópole (Atenas – Grécia)

Diversos:

Mirella, Oscar, Martinha e Carina – Viajoteca – #Museumweek – 4 Museus pelo Mundo – Te Papa (Wellington – Nova Zelândia), Vizcaya Museum & Gardens (Miami – EUA), Pergamonmuseum (Alemanha – Berlin), Belgian Comic Strip Center (Bruxelas – Bélgica)

Thaissa Chagastelles – Viagem com a Thathá – Auckland Museum – (Auckland – Nova Zelândia)

Marina Vidigal – Ideias na Mala – Angkor National Museum (Siem Reap – Camboja)

Nívia Guirra – Viagens Invisíveis – 5 Museus Palácios no Marrocos (Marrakech e Fez – Marrocos)

Todos os detalhes do Instituto Ricardo Brennand em Recife