Continuando nossas viagens, hoje resolvi falar um pouco dos EUA. Mudar os ares, o ritmo… afinal Europa e EUA são completamente diferentes, eu amo os dois!

Bom, desobedecendo a ordem do roteiro que fizemos, vou falar primeiramente de Las Vegas, em outros momentos comentarei sobre as outras cidades que visitamos. Hoje meu astral está pra Vegas!!!
Chegamos em Las Vegas pela United indo de Orlando com conexão em Denver. O voo foi super tranquilo e a paisagem aérea chegando em Vegas lindíssima.
 Durante o voo resolvemos alugar um carro, que não estava programado, mas Ricardo resolveu ter essa comodidade. Assim que chegamos ao aeroporto fomos direto pra esteira pegar nossas malas, depois de uns 10 min por lá eu ouvi no auto-falante VIANNA, Mr e Ms VIANNA, olhei pra Ricardo e disse que estavam chamando a gente, procuramos um funcionário do aeroporto e ele nos indicou pra onde deveríamos ir. Nossas malas não estavam na esteira e sim no guichê da cia aérea, pelo que entendemos elas foram em outro voo já que fizemos uma conexão. Pegamos então as malas e nos encaminhamos à saída que indicava carros de aluguel. Foi super fácil de achar, a sinalização é bem eficiente. Pegamos um ônibus que nos levou gratuitamente ao prédio onde ficam as locadoras de carro. Fomos direto a Alamo e pegamos um carro, bem rápido e prático.
No nosso roteiro iríamos deixar as malas no hotel, Planet Hollywood (que é aquele do filme Jogo de Amor em Vegas com Cameron Diaz e Ashton Kutcher) e depois seguiríamos pra o Premium, porém como estávamos de carro fomos direto pra o outlet. Ligamos Vanda, nosso GPS, e chegamos sem dificuldades. Estacionamos o carro e vimos que o estacionamento não era pago. Fomos então às compras. Assim que chegamos fomos ao Guest Service, pegamos o folder de cupons e seguimos. Eu tinha levado impressos vários cupons que peguei na internet no site do outlet, e fomos lá.
 Gente, aquele outlet é uma loucura. Achei mil vezes melhor do que o Prime de Orlando e o Dolphin Mall de Miami. Os preços estavam de enlouquecer. Comprei óculos Ralph Lauren por U$ 70 lindo de morrer. Na Fossil na compra de um óculos por U$ 24,50 o segundo tinha 50% de desconto. Saimos de lá carregados de sacolas. Seguimos pra o hotel. Chegamos por volta das 8h da noite. Nosso carro foi levado pra o estacionamento do hotel, que também era free e fomos ao balcão fazer checkin. Tudo resolvido, subimos pra nosso quarto. Adoramos o hotel. O quarto bem amplo, cama muito confortável, banheiro enorme e muito luxuoso, me senti uma estrela kkkkk. Tomamos um banho e fomos pra Strip, estávamos loucos pra andar por aquela agitação que vimos ao passar de carro, apesar do cansaço do dia longo.
Assim que descemos e chegamos à rua vimos que o show do Bellagio havia começado, atravessamos a rua e fomos assistir de perto. Emocionante, ficamos encantados. Andamos um pouco para os dois lados da Strip e resolvemos voltar para o hotel, comer alguma coisa e dormir. 
Quando fomos ajustar a hora do despertador com nosso relógio, vimos que estávamos acordados a 22h, isso mesmo, a mudança de fuso-horário com relação a Orlando nos deixou totalmente sem noção de tempo. Voltamos o relógio em 2 horas por 2 vezes durante a viagem, isso nos desorientou completamente.
No outro dia acordamos cedo, fomos tomar café no Ocean Menu, no Miracle Mile, o shopping do hotel, que por sinal é ótimo, boas lojas, bem grande. O teto dele na parte de alimentação simula um céu e de vez quando tem uma tempestade com trovões e o céu fica todo nublado, é bem interessante.
 Comemos no Ocean Menu, pagamos U$ 5,99 por um café-da-manhã bem completo, com suco, ovos, pães, salsicha. Ficamos bem satisfeitos.
 Seguimos pra Strip… andamos muuuuuuito. Adoramos as lojas da Coca-Cola e M&M, comprei uns enfeites pra minha árvore de Natal lindos nas duas lojas. Não paramos na Ross, como já tínhamos comprado muito no Premium, resolvemos concentrar o restante das compras em NY, já estávamos com muitas malas kkkk.
 Adorei o MGM e o New York. O shopping onde fica a Louis Vuitton é maravilhoso(foi lá que comprei minha primeira Vivi), além de muito chique é lindo, bem moderno. Almoçamos no Miracle também, num restaurante de comida gaúcha, o Pampas, mas não gostamos muito não. Subimos pra o quarto, deixamos nossas compras e seguimos pra o outro lado da Strip. O Ceaser é um capítulo a parte. Simplesmente maravilhoso. O The Venetian é deslumbrante também, independente da minha paixão por Veneza. Depois de caminharmos muuuuuuuito,voltamos pra
o hotel, pois tínhamos o KA pra assistir.
Tomamos banho, descansamos um pouco e seguimos pra o MGM onde fica o teatro do Circe Du Soleil. Fiquei boquiaberta, o que é aquele show? É simplesmente inacreditável. Vale muito a pena. Ficamos muito bem localizados, logo na frente, foi realmente um grande show.
 Na volta vimos outro show do Bellagio, dessa vez com músicas de Sinatra (no youtube coloquei o vídeo). Confesso que chorei. Muito lindo mesmo. Jantamos no hotel mesmo. E pra variar nos perdemos pra acharmos o elevador kkk. Todas as vezes que entrávamos no cassino do Platet tínhamos dificuldades pra achar o elevador, dávamos 3, 4 voltas pra nos encontrar, já estávamos até envergonhados em perguntar aos funcionários o caminho.
No outro dia eu queria voltar pra Strip, mas Ricardo queria voltar ao Premium a todo custo, resultado, fizemos o checkout às 9h, pegamos o carro e fomos ao outlet. Compramos muitas coisa de novo, esquecemos a questão das malas kkkkk. Encontramos a Perfume 4, um aloja de perfumes excelente. Na compra de um perfume o segundo saía por menos da metade do preço. Comprei Burberry Brit, que eu amo por U$ 43. CK One por U$ 26 de 200ml, fizemos uma feira lá. Essa loja é muito boa e tem uma vendedora que fala português muito bem, ajudou bastante.
 Resolvemos ir a um Wal Mart comprar outra mala, as nossa já estavam lotadas e com as novas compras então …. Com Vanda localizamos facilmente. Eu estava procurando o Neutrogema Wave desde Miami e novamente não encontrei. Arrumamos as coisas na mala nova e seguimos pra Freemont. Esperávamos que fosse maior mas valeu a pena o passeio. Saímos de lá no final da tarde. Seguimos pra o aeroporto, deixamos o carro e fomos esperar nosso voo pra New York. Passaríamos a noite viajando.
Adoramos Las Vegas. Passamos pouco tempo mas valeu muitíssimo a pena. E com certeza voltaremos lá. É uma cidade contagiante, pessoas diferentes, muitas luzes, animação total 24h por dia e resolvemos que vamos jogar pra ver o que dar kkkk.