banner

Perrengues no avião depois do embarque

Checkin feito, seguimos para o portão de embarque, ouvimos o chamado para nosso voo e seguimos felizes. Até que já sentados em nossos assentos acontecem os perrengues no avião depois de embarque que nos impedem de decolar.

Em algumas situações, uma hora foi suficiente para resolver o problema, em outras mais de 3 horas para conseguirmos decolar.

perrengues-no-aviao-depois-do-embarque-5

Certos de que embarcaríamos em poucos minutos, só que não…

Já voamos muito, voos curtos, longos, com e sem conexões e nunca havíamos tido nenhum tipo de problema em nossos voos. Até que no último ano parece que todos os perrengues relacionados a voos resolveram acontecer.

E como foram acontecimentos diferentes, resolvi compartilhar com vocês e também saber histórias que aconteceram com outros viajantes. Fiz uma enquete nas redes sociais e recebi alguns relatos. A troca de experiências sempre ajuda e nos dá dicas de como agirmos.

Vamos lá aos nossos perrengues no avião depois do embarque até hoje. Vou dividir por ‘tipos’.

Tráfego aéreo

Ano passado quando fizemos uma viagem de 9 dias por 2 cidades nos Estados Unidos, passamos pela primeira vez por essa situação.

Nosso voo de San Francisco para Las Vegas atrasou porque havia tráfego aéreo, ficamos mais de 1 hora dentro do avião na fila para decolar. O comandante avisou e víamos outros aviões atrás do nosso na pista.

Ok, não foi nada de mais, mas essa hora demorou muito a passar. Como o avião estava ligado,  o ar condicionado funcionava mas as telas de entretenimento não.

perrengues-no-aviao-depois-do-embarque-4

Como Las Vegas era nosso destino final, não tivemos problemas com horários, já que não faríamos conexões.

Em nossa viagem para os Estados Unidos nas férias de julho desse ano (2016), quando fomos encontrar com nosso filho que estava fazendo um intercâmbio de férias em New York, tivemos o mesmo problema no voo entre New York e Miami.

Nesse voo ficamos um pouco preocupados porque faríamos uma conexão para seguirmos para o Brasil. A espera em pista durou pouco mais de 1 hora e não nos causou problemas, mas chegamos bem em cima da hora de nosso embarque para o próximo voo.

Na verdade esse embarque não aconteceu, no post atrasos, overbooking e cancelamento de voos numa única viagem explico tudo que houve. Foram outros perrengues ENORMES mas que não tiveram nada a ver com o tráfego aéreo do voo anterior.

O mesmo não aconteceu com nosso filho que voltava em outro voo e que pegou o mesmo tráfego aéreo, ele perdeu a conexão. No post como é voar com a Azul de New York para o Brasil tem detalhes.

Problemas técnicos no avião

⇒ Em maio fomos para Brasília, no voo da volta o avião começou a taxiar e de repente parou no meio da pista. Minutos depois o comandante avisou que o computador de bordo estava com problemas e que precisaríamos voltar para o portão de onde havíamos partido mas que não poderíamos sair do avião.

Foi aquele buchicho dentro da aeronave, as pessoas começando a ficar inquietas mas lá fomos nós. A tripulação caminhava pelo corredor do avião e de vez em quando o comandante dava uma posição. Por fim, decolamos uma hora depois.

⇒A leitora Paula Scarpelli passou por uma situação muito chata em sua última viagem. Foi de São Paulo para Chicago, o avião já na pista se dirigindo para decolagem voltou ao portão de embarque porque uma peça da aeronave havia quebrado.

Depois de 4 horas dentro do avião os passageiros foram comunicados que teriam que sair da aeronave. Ficaram sem água e sem comida todo esse tempo, imagine!

Foram levados a um hotel e voaram no outro dia. Isso gerou prejuízos não só de tempo mas financeiros, eles haviam alugado uma moto e perderam uma das diárias com esse atraso.

⇒ Matheus Crespo, editor do blog O baú do viajante estava na China saindo de Wuhan para Shangai quando ficou com um grupo de amigos por 3 horas dentro do avião sem decolar. O comandante e a tripulação não deram nenhuma satisfação, disseram apenas para esperarem. A fome apertou e eles pediram sanduíches, pelo menos puderam comer né?

Inseto dentro do avião

Uma leitora que prefere não ser identificada me falou lá no Snapchat @cantinhodena que num voo pela Iberia do Rio de Janeiro para Lisboa já com todos embarcados, viram uma barata no teto do avião!!!

Algumas pessoas começaram a gritar e um dos tripulantes conseguiu pegar a barata. Ele usou um saco plástico para imobilizar o inseto e tirá-lo. Imaginem a confusão dentro de um avião.

Esperando autorização da torre para decolagem

A leitora Jane Ortiz me disse que num voo de Curitiba para Miami o avião ficou mais de uma hora na cabeceira da pista esperando autorização da torre para decolar, mas enquanto esperavam o ar condicionado do avião estava desligado e o calor se tornou insuportável.

Os passageiros ficaram nervosos, alguns queriam levantar, ir ao banheiro mas a tripulação não permitia porque o avião poderia ter autorização a qualquer instante e todos precisavam estar em seus lugares.

Piloto ‘doente’

Essa é boa gente…. Débora, editora do blog Foco no mundo perdeu uma conexão entre São Paulo e Belo Horizonte. Ela e o namorado foram levados para um hotel e no outro dia um transporte iria levá-los ao aeroporto.

Dormiram demais porque estavam fazendo uma viagem internacional longa e perderam a hora. Pegaram um táxi e chegaram a tempo de embarcar. Foram os últimos a entrar no avião, todo mundo olhando. Tempo depois nada do avião sair.

Com 30 minutos dentro do avião, foram avisados que o piloto estava com diarreia!!! Coitado… Ficaram todos esperando dentro da aeronave até que ele se restabelecesse kkkkk.

Problemas mecânicos no avião

Quando voltávamos de São Paulo depois de uma viagem rápida passamos 3:30h presos dentro do avião.

Embarcamos normalmente. O avião começou a sair, estava chovendo fraco. Depois de uns 5 minutos taxiando, paramos e o comandante avisou que o parabrisa da aeronave estava com problemas, que havia avisado à torre e estava esperando uma posição.

Minutos depois fomos comunicados que iríamos voltar ao portão de embarque e que a equipe de manutenção estava a nossa espera para resolver o problema.

E aí foi uma sucessão de acontecimentos…

Enquanto consertavam o parabrisa nos serviram água.

Mais de uma hora depois a tripulação teve que ser trocada por causa da carga horária de trabalho, se voassem até Recife teriam problemas.

Entra uma nova tripulação.

As pessoas já estavam cansadas de estarem há 2 horas presas no avião. Uma senhora perguntou por que não poderíamos sair da aeronave e esperarmos no salão do aeroporto. De acordo com comissária, o avião não pode ficar sem passageiros e as bagagens nele, elas teriam que ser retiradas também, e isso era impossível.

Ok, nova tripulação, parabrisa consertado foi a vez de reabastecer já que estávamos há um bom tempo parados com o avião ligado.

A porta estava aberta e o cheiro de combustível tomou conta do avião. Eu tenho horror ao cheiro, minha cabeça começa a doer, sinto náusea, enfim, um caos…

Avião abastecido o comandante comunica que agora ele não tem mais autorização para continuar o voo. As horas de trabalho também estavam se esgotando. Aí foi um levante geral por parte dos passageiros.

O novo comandane chega e ainda não podemos decolar, estavam esperando repor a água. Aquela que foi servida na primeira hora de espera.

Decolamos às 19:45h. O horário de nossa chegada em Recife era às 19:58h. Saímos praticamente na hora que estaríamos chegando!

Eu havia levado meu computador com a intenção de adiantar meu trabalho durante o voo, mas depois de 3:30h dentro do avião fiz quase tudo que tinha na minha pauta antes mesmo de decolarmos.

Estávamos todos irritados. Os primeiros 30 minutos de voo foram com muita turbulência, só foi servido o lanche depois de passarmos por elas.

Às 23:10h aterrissamos. Havia 5 crianças no avião mas elas foram ótimas, super tranquilas.

Em resumo

Ninguém está livre de passar por situações desse tipo. Infelizmente problemas mecânicos, técnicos e de saúde acontecem quando menos esperamos, não temo como prevê-los.

As cias aéreas têm muitas normas a cumprir e nós passageiros somos quem mais sofremos com esses perrengues no avião antes do embarque.

Ninguém merece ficar horas sem poder sair daquela caixa de aço e como comentei aqui, em alguns casos não podemos nem nos levantar.

E o que fazer?

Antes de uma viagem não pensamos em passar por esse tipo de situação.

Para ganhar ou passar o tempo, eu sempre levo um livro pra ler, o computador ou meu diário de viagem. Algumas vezes para adiantar trabalho e outras para ajudarem a hora a passar.

perrengues-no-aviao-depois-do-embarque-2

E nessa ocasiões que passamos ultimamente me ajudaram muito.

Viram porquê resolvi escrever sobre o assunto?

Nas 4 últimas viagens que fizemos passamos por perrengues no avião depois do embarque em 3 delas, sem contar com a saga de nossa volta dos Estados Unidos.

Quem tem mais histórias desse tipo pra contar? Use o espaço para comentários e divida com a gente sua experiência.

Mais sobre voos que já fizemos

Como é voar com a Avianca
Como é voar com a LAN
Voar com Condor compensa?
Nosso voo pela Copa
Voo Copa com refeição infantil

E para acompanhar nossas viagens, nos siga no Facebook,  Instagramtwitter,  YouTube e no Google+.

Para programar sua viagem, veja o que você pode fazer sem sair aqui do blog

Reservar hotel pelo Booking;  Comprar seu seguro viagem com a Real SegurosAlugar seu carro com a RentalCars; Comprar seu chip pré-pago para os EUA e Europa na EasySim 4U e Travel Mobile

E para acompanhar nossas viagens, nos siga no Facebook,  Instagramtwitter,  YouTube, Pinterest e no Google+.

Para programar sua viagem, veja o que você pode fazer sem sair aqui do blog

Reservar hotel pelo Booking;  Comprar seu seguro viagem com a Seguros PromoAlugar seu carro com a RentCars; Comprar seu chip pré-pago para os EUA e Europa na Easy Sim 4U e fazer câmbio na MelhorCâmbio.


Tags:
· · ·
Categorias:
Mil Assuntos

Comments

  • HAHAHA até hoje morro de rir quando lembro do “piloto doente”. Adorei participar!! 🙂

    Débora Resende 21/10/2016 00:17 Responder
    • Imagino Débora, essa situação é bem engraçada mesmo :). Obrigada pela participação.

      Cynara Vianna 21/10/2016 09:36 Responder

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Guia Para Viajar por Conta Própria

Receba agora gratuitamente em seu email o
eBook "Como Tornar Possível Aquela Viagem
dos Seus Sonhos".

✔️  Como Escolher o Destino da sua Viagem;

✔️  Quando Comprar Suas Passagens;

✔️  Como Reservar Seu Hotel;

✔️  Como Montar um Roteiro de Viagem...

You have Successfully Subscribed!

Pin It on Pinterest

Share This
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
Menu Title