banner

3 meios de transporte em San Andrés além dos barcos

Durante a semana que passamos na ilha, experimentamos 3 meios de transporte em San Andrés, todos no sistema de aluguel. Houve dias apenas de passeio ao redor da ilha, e no dia que fizemos o voo de parasail, fomos nos aventurar sozinhos e para fazermos esse tipo de passeio, precisávamos de um veículo. Não quisemos táxis, queríamos ter liberdade total.

Ainda não leu o post sobre o voo de parasail? Clica aqui.

O primeiro deles foi no dia de nossa chegada…

1 – Carro de golfe

Alugamos um em frente ao nosso hotel na Naranja Mecánica Rent a Car, chegamos na locadora perto das 11h da manhã, mas o valor do aluguel não era proporcional às horas, era referente ao dia todo.

Pagamos 70.000 COP = 26 U$ para devolvermos o carrinho até às 18h.

3-meios-de-transporte-em-San-Andres-9

Escolhemos um para 2 pessoas, é bem pequeno, tem porta-copos e só!!!! Não tem cinto de segurança, não tem nenhuma proteção nas laterais, ficamos muito soltos, no começo fiquei com receio, deixava os braços bem colados no meu corpo, mas depois me acostumei mais e anda muuuuito devagar.

Como ainda não tínhamos feito o checkin, estávamos com as roupas que viajamos, então não paramos nas praias e sentimos muito calor.

Éramos ultrapassados por ciclistas que passavam ao nosso lado pedalando devagar kkkk. Mas conseguimos dar a volta ao redor da ilha, paramos pra almoçar, fomos pra o centro da cidade para comprarmos chip para celular, supriu nossas necessidades.

Apesar desses detalhes, valeu a pena, nos situamos na ilha e a vista durante todo o percurso compensou demais.

3-meios-de-transporte-em-San-Andres8

Durante o passeio, cruzamos com muitos carrinhos, uns iguais aos nossos, outros mais potentes e ficamos de olho em qual modelo pegaríamos da próxima vez kkkk.

3-meios-de-transporte-em-San-Andres7

Vejam um pouco do nosso percurso. Depois que assisti ao vídeo, achei que não deu pra perceber muito a velocidade real do carrinho, parecia até que ele andava rápido, mas é muito devagar, podem acreditar.

2 – Mula

Esse é o nome de outro tipo de carrinho que é muito comum em San Andrés. Cruzamos com muitos deles quando alugamos o carrinho de golfe e vimos que era bem mais rápido, robusto e mais seguro.

Procuramos saber os preços no balcão de turismo do hotel e fomos em outra locadora que também fica em frente a ele para compararmos. Optamos pela operadora do hotel. Ricardo ficou tão traumatizado com a lerdeza do outro que escolheu um maior, ideal para 4 pessoas kkkk. Pagamos 160.000 COP = 60 U$ pelo dia inteiro. O aluguel da mula para 2 pessoas custava 110.000 COP = 40 U$, mas não teve acordo, ele queria uma maior :).

E lá fomos nós. Na mula tem cinto de segurança, porta-luvas, porta-copos, porta para entrar, sim porque no outro nem isso kkk. E é bem mais rápido, mas com nem tudo é perfeito, muuuuito barulhento. Quando estávamos passando pela beira mar, com mais vento, não conseguíamos conversar!

3-meios-de-transporte-em-San-Andres2

3-meios-de-transporte-em-San-Andres-10

3-meios-de-transporte-em-San-Andres-4

 

 

Vejam o barulho nesse vídeo, e outro fator, chacoalha muito kkkk.

Apesar do barulho e do chacoalhado, gostamos bem mais da mula do que do carrinho de golfe. Sem comparação, é uma diferença de valores que compensa cada centavo.

3 – Scooter

E aí foi uma aventura, resolvemos fechar nossos passeios ao redor da ilha montados numa scooter. Alugamos na locadora em frente ao nosso hotel. Pagamos 60.000 COP = 22 U$ pelo dia. Não pedem habilitação, apenas explicam onde acelerar e frear (pelo menos isso né?), pagamos e pronto. Capacete? Pra que? É uma doideira de moto pra todos os lados e ninguém usa capacete.

Quando estávamos nos carrinhos vimos muitas pelas ruas, mas quando estávamos andando em uma foi que percebemos a quantidade delas pela cidade. Só pensávamos nos nosso filhos quando soubessem e vissem as fotos e vídeos, pra andarem de bicicleta exigimos que usem capacetes e tudo quanto é acessório de proteção, imaginem nossa moral na volta :).

3-meios-de-transporte-em-San-Andres3

Não dava pra tirar fotos mostrando a gente inteiro, o máximo que consegui me equilibrar deu nessa kkk

Anda devagar, tem apenas 50 cilindradas mas estávamos conscientes disso e achamos bom porque não queríamos correr ‘mais’ riscos além dos que já estávamos expostos andando sem capacetes e com a probabilidade de cruzarmos com motociclistas inexperientes como nós. Fizemos mais uma vez o percurso ao redor de San Andrés, e o legal foi que em cada uma das 3 vezes que passamos pelos mesmo lugares, percebíamos alguma coisa diferente, um detalhe.

No final da tarde, depois de um delicioso banho de mar e mais tempo montada na moto, me senti mais segura e aproveitei uma área com menos movimento pra filmar um pouco de nosso passeio.

Comparando e medindo os prós e contras, a mula foi nosso transporte favorito para conhecer San Andrés à vontade, no nosso ritmo. Apesar das condições precárias de segurança principalmente do carrinho de golfe e da scooter, não passamos por nenhuma situação de perigo nem vimos nada acontecendo ao nosso redor. É uma ilha onde as pessoas estão acostumadas com o trânsito que na verdade só existe mais no centro. Na estrada que contorna a ilha é super tranquilo, raramente cruzamos com outros veículos se não iguais aos que usamos.

Dicas

– Estando com crianças, nem pense em economizar, alugue uma mula. Além dos cintos de segurança, são mais altas e têm barras de ferro nas laterais que ajudam;

– No aluguel dos 3 veículos, a gasolina era por fora, pegamos os tanques cheios e devolvemos como encontramos, no carrinho colocamos 10.000 COP, na mula 20.000 e na scooter 5.000 COP para enchermos e devolvê-los;

– Quando alugar a scooter, use uma camisa UV ou qualquer outra roupa para se proteger do sol, eu havia saído do hotel usando um body porque já estava me sentindo bem queimada e Ricardo usou camisa UV e foi super tranquilo;

Mais sobre essa viagem:

Veja aqui o planejamento detalhado dessa viagem
Como é voar com a LAN
GHL Capital, excelente opção de hotel para uma noite de conexão em Bogotá
6 motivos para ir a San Andrés
Review do GHL Hotel Sunrise em San Andrés
Tudo sobre a ilha de Johnny Cay
Como é o passeio a Haines Cay e Acuario
Como é o passeio a Cayo Bolívar partindo de San Andrés
Tudo sobre o voo de parasail em San Andrés

E para acompanhar nossas viagens, nos siga no Facebook,  Instagramtwitter,  YouTube e no Google+.

Para programar sua viagem, veja o que você pode fazer sem sair aqui do blog

Reservar hotel pelo Booking;  Comprar seu seguro viagem com a Real SegurosAlugar seu carro com a RentalCars; Comprar seu chip pré-pago para nos EUA na Travel Mobile

E para acompanhar nossas viagens, nos siga no Facebook,  Instagramtwitter,  YouTube, Pinterest e no Google+.

Para programar sua viagem, veja o que você pode fazer sem sair aqui do blog

Reservar hotel pelo Booking;  Comprar seu seguro viagem com a Seguros PromoAlugar seu carro com a RentCars; Comprar seu chip pré-pago para os EUA e Europa na Easy Sim 4U e fazer câmbio na MelhorCâmbio.


Tags:
· ·
Categorias:
América do Sul · Colômbia 🇨🇴 · Onde fui · San Andrés

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Guia Para Viajar por Conta Própria

Receba agora gratuitamente em seu email o
eBook "Como Tornar Possível Aquela Viagem
dos Seus Sonhos".

✔️  Como Escolher o Destino da sua Viagem;

✔️  Quando Comprar Suas Passagens;

✔️  Como Reservar Seu Hotel;

✔️  Como Montar um Roteiro de Viagem...

You have Successfully Subscribed!

Pin It on Pinterest

Share This
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
Menu Title