banner

Roteiro de 2 dias e meio em Buenos Aires

Essa não foi nossa primeira vez na cidade, quando fomos anteriormente eu não tinha blog, anotava algumas coissa num diário de viagem. Mas nessa volta meu perfil de viajante mudou e tuuudo é anotado. Nesse post,  nosso roteiro de 2 dias e meio em Buenos Aires.

Optamos por lugares que não conhecíamos ainda apesar de fazer 5 anos de nossa primeira viagem às terras porteñas.

Nos hospedamos no Hotel Boutique Bonito, veja review aqui. Fica em Montserrat, um bairro residencial muito calmo e perto do centro.

Apesar de não termos nada daquele trânsito agitado e um monte de gente por todos os lados. Íamos a pé pra 9 de julho quando queríamos.

Dia da chegada

Bom, chegamos em Buenos Aires pouco depois do meio-dia. Até nos acomodarmos no hotel já eram quase 3h da tarde, fizemos uma refeição rápida perto dele e voltamos para descansarmos um pouco porque nessa noite tínhamos uma reserva no La Cabrera para jantar.

Não vou detalhar nosso jantar porque isso estará num post sobre onde jantar em Buenos Aires. Fomos de táxi do hotel até o restaurante, pagamos pouco mais de 50 pesos.

roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-1

Nosso brinde de chegada

Dia 1

Fomos andando para a 9 de julho e chegando nela seguimos para o Teatro Colón. Queríamos fazer o tour guiado que não foi possível na outra viagem porque o teatro estava em reforma.

Caminhamos uns 20 minutos, vimos muita gente seguindo para seus trabalhos, crianças indo pra escola e muitos, mas muitos cachorros fazendo seus passeios com seus donos ou ‘cuidadores’ com 5 ou 6 cães juntos.

Ficamos impressionados como vimos essa cena durante esses 3 dias, esse é um ponto muito interessante de se hospedar num bairro residencial, vivenciamos a rotina dos moradores.

Bom, voltando ao teatro, nos dirigimos à bilheteria que fica numa entrada à esquerda do prédio, pagamos 150 pesos por pessoa. Esperamos quase 30 minutos para começarmos a visita.

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-8

Enquanto esperávamos, sentamos em frente à bilheteria e tomamos um café.

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-3

Nosso grupo tinha umas 15 pessoas, a guia era muito simpática. Andamos pelas instalações do teatro, tudo foi muito bem explicado, desde a construção do prédio ao mobiliário. Como cada peça chegou até lá, quem levou, em que época.

Infelizmente não podemos fotografar o palco porque estava havendo uma audição e nada poderia chamar a atenção dos músicos que estavam no palco e na plateia.

O teatro é lindo. A visita dura quase 1 hora, valeu muito a pena.

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-4

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-14

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-7

Saímos do Colón, seguimos pela Tucumán até a praça General Lavalle que fica logo atrás do teatro, tiramos algumas fotos, pegamos um táxi e fomos para o La Brigada onde planejávamos almoçar.

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-10

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-12

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-13

O restaurante fica na Calle Estados Unidos, em 10 minutos chegamos, pagamos 35 pesos. Para dicas de onde almoçar em Buenos Aires, veja review aqui.

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-9

Depois  do almoço fomos para uma fábrica de couros que um taxista tinha nos indicado, fica bem perto de nosso hotel, é na Venezuela 2075.

Não tem nenhuma placa, parece um armazém fechado. Lá compramos casacos de couro para os meninos (tamanho adulto) por R$ 150,00. A variedade e os preços estavam muito bons.

Voltamos andando para o hotel, já eram quase 5h da tarde. Descansamos um pouco que às 7:15h o transfer passaria para nos pegar para irmos ao show de tango no El Viejo Almacén , conto como foi aqui.

Dia 2

Nosso destino era o bairro de San Telmo, mesmo sendo um sábado, o taxista nos disse que a famosa feira de antiguidades já tinha barracas montadas.

Como não conseguimos ir em nossa primeira viagem à Buenos Aires, agora não poderia faltar. Fomos de táxi direto do hotel, pagamos 15 pesos, era bem perto, mas queríamos ganhar tempo.

O táxi nos deixou na esquina da praça, algumas barracas já montadas e outras ainda se preparando.

Andamos por lá, é bem pequena, mas a minha cara, adorei o que vi. Comprei 3 chapéus por 45 pesos num brechó e a plaquinha com o nome Buenos Aires para nossa sala de TV onde colocamos nossa coleção. Seguimos para o mercado que era outro ponto que queríamos conhecer.

Roteiro-de-3-dias-em-Buenso-Aires-15

 Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-17

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-18

Saímos do mercado pelo outro lado e nos deparamos com o La Brigada, é exatamente em frente.

Ainda não estávamos com fome e os planos para esse almoço era irmos a Puerto Madero. Eu queria muito tirar uma foto com a Mafalda que fica na Defensa.

Passamos pela frente do restaurante e seguimos até a Defensa, nela entramos num galpão (Defensa 834) cheio de lojas de antiguidades e pôsteres, muita coisa legal. Passeamos por ele e voltamos para a rua até encontrarmos a Mafalda.

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-19

Chegamos e tinha uma pequena fila de gente para tirar foto com a tão querida bonequinha.

 Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-20

Tínhamos que trocar o voucher pelos ingressos para o Fuerza Bruta no Teatro Opera na Corrientes. Pegamos um táxi e fomos direto pra lá. 

Estávamos com poucos pesos e queríamos evitar usar o cartão de crédito. Havíamos combinado com Lia do Buenos Aires para brasileiros para fazermos câmbio, mas ela teve um imprevisto e não pode nos encontrar.

Tanto ela como outra brasileira que estava na feira de San Telmo nos indicaram uma banca de revista que fica em frente ao Banco HSBC na Calle Florida, lá é seguro comprar pesos e a cotação é boa.

Pegamos os ingressos, compramos os alfajores dos meninos no Havanna Café na Av. Corrientes.

A fome chegou e pra onde Ricardo quis voltar? La Brigada, isso mesmo, como saímos em frente a ele naquele dia, era tudo que ele queria. Meus planos de irmos almoçar em Puerto Madero foram sabotados :).

Depois do almoço seguimos pra Recoleta, fomos de táxi. Pagamos 70 pesos.

Caminhamos até a Igreja de N. S. do Pilar que tem um grande valor histórico para a cidade. Serviu de abrigo para os monges ‘recoletos‘ vindos da Espanha, daí o nome do bairro, fica vizinha ao cemitério. É muito bem conservada.

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-22

Visitamos o túmulo de Evita, voltamos pela calçada e nos dirigimos ao Buenos Aires Design.  É um shopping focado em móveis e decoração mas que também tem excelentes opções em gastronomia.

Passeamos por ele e tomamos um delicioso sorvete na Un’Altra Volta apreciando a paisagem. Muita gente bonita passando, turistas de todos os lugares. 

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-25

Cemitério. Caminho para o túmulo de Evita Peron

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-24

Área externa do Buenos Aires Design

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-21

Sorvete e de dulce de leche da Volta

Passeamos pela feirinha, fomos ver de perto o gigante ‘gomero‘ (ficus) que fica no meio da praça que foi plantado em 1800.

Nos sentamos no gramado junto com tantos outros turistas e moradores enquanto esperávamos a hora do espetáculo Fuerza Bruta.

Roteiro-de-3-dias-em-BUenos-Aires-23

Roteiro-de-3-dias-em-Buenos-Aires-30

Ficamos quase 1 hora sentados no gramado curtindo um solzinho com vento fresco até que a hora se aproximou.

Fomos para o Espaço Cultural da Recoleta vizinho ao Buenos Aires Design onde acontece o Fuerza Bruta.

Saímos de lá mais de 8h da noite, pegamos um táxi para o hotel para darmos um cochilo porque iríamos para o aeroporto às 3h da madrugada.

E assim foi nosso roteiro de 2 dias e meio em Buenos Aires. Bem light com algumas coisas de improviso já que não era nossa primeira vez na cidade. Foi uma viagem deliciosa a dois :).

Como comentei no começo desse post, já tínhamos ido à Buenos Aires antes e fomos a outros lugares. Veja mais sobre a El Ateneo: a livraria mais bela de Buenos Aires e da América Latina, um post do blog Uma turista das nuvens. Essa livraria é show!

Algumas informações:

– Antes de viajarmos, compramos pesos na relação 3,80 pesos por R$ 1,00. Em Buenos Aires pagamos 5,35.

– Pagando alguma conta no cartão de crédito, a fatura virá em dólar e a conversão sai bem pior do que o valor pago em espécie.

– Em alguns restaurantes e lojas aceitam pagamento em reais. A conversão estava 4,00 pesos por real (restaurantes) e 5,00 na fábrica de couros.

– Táxi é muito barato. Estando com mais uma pessoa vale muito a pena usar porque o metrô que não cobre toda a cidade.

– Caso pague alguma conta de restaurante em cartão de crédito, lembre-se de deixar alguns pesos para a gorjeta do garçom que não vem incluída na conta e não pode ser paga no cartão.

E para acompanhar nossas viagens, nos siga no Facebook,  Instagramtwitter,  YouTube e no Google+.

Para programar sua viagem, veja o que você pode fazer sem sair aqui do blog

Reservar hotel pelo Booking;  Comprar seu seguro viagem com a Real SegurosAlugar seu carro com a RentCars; Comprar seu chip pré-pago para os EUA e Europa na Easy Sim 4U 

E para acompanhar nossas viagens, nos siga no Facebook,  Instagramtwitter,  YouTube, Pinterest e no Google+.

Para programar sua viagem, veja o que você pode fazer sem sair aqui do blog

Reservar hotel pelo Booking;  Comprar seu seguro viagem com a Seguros PromoAlugar seu carro com a RentCars; Comprar seu chip pré-pago para os EUA e Europa na Easy Sim 4U e fazer câmbio na MelhorCâmbio.


Tags:
· · ·
Categorias:
América do Sul · Argentina 🇦🇷 · Buenos Aires

Comments

  • ola cynara, queria saber quanto vc pagou no fuerza bruta! sempre esta em cartaz la?

    larissa 07/12/2014 19:57 Responder
    • Oi Larissa, paguei 400 pesos, 360 pelos 2 ingressos e 40 pelo serviço. O espetáculo está em cartaz há um bom tempo, mas não sei lhe dizer até quando ficará. Eu achei maravilhoso.

      Cynara Vianna 07/12/2014 20:00 Responder
      • Muito obrigada, voce comprou la mesmo?

        Larissa 11/12/2014 15:49 Responder
        • Olá Larissa, comprei pela internet e escolhi o lugar para trocar o voucher pelos ingressos.

          Cynara Vianna 05/01/2015 11:48 Responder
  • oi.
    onde compro os pesos???
    vou viajar agora no final de abril.
    não tenho noção de onde trocar o real por pesos…

    patricia 11/04/2016 12:57 Responder
    • Oi Patrícia, não sei onde você mora, uma opção é sair do Brasil já com os pesos em mãos, são vendidos nas casas de câmbio. Há também como comprar no hotel, praticamente todos eles têm contato com quem vende e conseguem ou indicam casas de câmbio. Você também pode levar alguns reais que são bem aceitos lá, a questão é ter que ficar negociando o valor do câmbio do dia. Nós geralmente levamos poucos dólares, alguns reais e lá fazemos câmbio. Não compre na Florida aos cambistas que ficam oferecendo na rua, dê preferência a comprar nas lojas. Tente entrar em contato com o Boston Cash pelo Facebook, eles tinham loja física mas atualmente atuam pela internet e mandam entregar o dinheiro no hotel. Pode entrar em contato com Lia, uma brasileira que mora lá e que já nos vendeu pesos, ela leva no hotel. Pode entrar em contato com ela pelo FB https://www.facebook.com/BuenosAiresParaBrasileiros/. Boa sorte.

      Cynara Vianna 11/04/2016 14:52 Responder

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Guia Para Viajar por Conta Própria

Receba agora gratuitamente em seu email o
eBook "Como Tornar Possível Aquela Viagem
dos Seus Sonhos".

✔️  Como Escolher o Destino da sua Viagem;

✔️  Quando Comprar Suas Passagens;

✔️  Como Reservar Seu Hotel;

✔️  Como Montar um Roteiro de Viagem...

You have Successfully Subscribed!

Pin It on Pinterest

Share This
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
Menu Title